Notícias
Uma análise das margens no mercado de leite UHT
11/02/2014 - Uma análise das margens no mercado de leite UHT
Procurando responder essas questões, nossa equipe comparou os dados de preços recebidos pelos produtores (valores médios do Cepea/USP), os valores de atacado para o leite UHT (também coletados pelo Cepea/USP) e os valores de varejo. Nesse último caso, utilizamos como ponto de partida o valor do leite UHT em agosto de 2008, no mercado paulista, levantado pelo MilkPoint, e aplicamos o IPCA mês a mês, para calcular o valor a cada mês de 2013. Analisando dessa forma, temos visto boa semelhança entre os valores apontados pelo IPCA (que não divulga valores absolutos, mas sim percentuais de aumento e redução mês a mês) e o nosso levantamento mensal, o que sugere que, para o UHT, nosso levantamento tem sido bem representativo.

Porque o UHT? Porque é o produto com maior volatilidade entre os principais derivados, e que guarda maior relação com o preço do leite ao produtor.A partir desses dados, que estão colocados no gráfico 1, calculamos a margem bruta da indústria, subtraindo do valor de atacado (valor de venda obtido pela indústria) o valor médio do Cepea/USP, referente ao preço ao produtor. Assim, margem bruta da indústria = preço de atacado – preço ao produtor. De forma semelhante, calculamos a margem bruta do varejo, indicada pelo preço de varejo menos o preço de atacado. Para facilitar a comparação ao longo do tempo, deflacionamos os valores. Esses dados de margem bruta estão no gráfico 2.

Procuramos, sem dúvida, simplificar a conta, além de reconhecermos que o preço médio Cepea/USP, tanto de atacado quando ao produtor, não é o mesmo para cada empresa, produtor ou região, assim como o preço de varejo também varia. Desta forma, os dados devem ser encarados muito mais como um indicador da dinâmica de mercado, do que levados a ferro e fogo. Ainda, é importante colocar que não fazemos nesta análise juízo de valor, isto é, se os preços para o produtor, indústria ou consumidor estão justos, elevados, ou insuficientes. 
Mesmo assim, através deles conseguimos responder as perguntas colocadas no primeiro parágrafo, além de nos dar informações interessantes sobre o vaivém das margens. 
 
Creditos de MilkPoint